domingo, 20 de maio de 2012

CADA CASO É UM CASO





Já algum tempo ouço o argumento de que a vítima de bulling precisa reagir às agressões, usando a ironia e o sarcasmo e não se vitimizar. 

Compreendo que tem sentido este raciocínio, mas cada casa é um caso. Muitas vezes, as vítimas precisam de ajuda, porque rola uma violência sádica. 
O bullying tem vários níveis. Sofri certas implicâncias, mas ninguém me agrediu ou me jogou na lata de lixo. Sempre fui acima do meu peso. Também, nunca encontrei sádicos... Graças a Deus!!

Por isso, a escola e a família precisa ajudar a vítima. Tudo bem que ela precisa agir, porém sozinha não dá. Muitas vezes, a situação sai de controle. Imagina a situação de três ou quatro pessoas querendo te bater ou alguém tirar uma foto sua sem permissão, colocando-o em situação constrangedora nas redes sociais.
Nunca entendi as pessoas que gozam ao torturar uma pessoa. Será que ejaculam? Doideira.

 Realmente, há certas coisas que não entendo. É muito complexo para minha cabeça.