segunda-feira, 3 de outubro de 2011

TRIÂNGULO DAS ÁGUAS DE CAIO FERNANDO ABREU

triangulo+das+aguas

Crédito da foto: http://www.submarino.com.br/produto/1/121380/triangulo%20das%20aguas


“ Gostaria que o livro fosse lido e sentido assim. Como murmúrio do rio, um suspiro do lago ou um gemido do mar”( O autor)

O livro é composto por três novelas. “““Dodecaedro” reúne o inconsciente e o caos de Peixes; “O marinheiro” trata da capacidade redentora atribuída a Escorpião e que pode surgir da destruição de nossas redes de proteções; “Pela noite” fala da busca pela afetividade maternal perdida, a paz de Câncer.”.

É uma viagem pelos sentimentos, a busca pelo afeto. Como diz o autor: “ Todo o livro, percebi aos poucos, estruturava-se sobre a simbologia da água: a emoção.”. Os personagens são criaturas da noite esfomeadas,  que  quanto mais provam, a fome pelo prazer aumenta. Buscam a felicidade e encontrar um lugar no mundo, onde há intolerância e hipocrisia.

Triângulo das águas é uma viagem aos recantos profundos do ser. Quem vive só na superfície, não terá estrutura para ler a obra.