segunda-feira, 17 de outubro de 2011

Crédito na imagem: 
http://www.leoni.com.br/post.php?titulo=dia-do-silencio-por-karine-nunes

CALAR-SE NÃO É COVARDIA


Quis escrever sobre um assunto e fazer um vídeo, mas percebi que estava por fora do contexto. Resolvi deletar o texto e não filmar. É preferível pesquisar o tema e amadurecer meus argumentos a falar um monte de asneiras.

Calar-se não é covardia, pode ser um ato de sabedoria, principalmente hoje em dia, em que todos querem propagar opiniões a toda hora.

Apaguei o texto e confesso que tive pena. Estava prontinho. Porém, o que adianta postar nas redes sociais um monte de bobagens e ideias desconexas. Só para dizer que tenho opinião. Muitas vezes, não tenho nenhuma. Fico quieto no mar de pessoas que gritam seus pontos de vista. Preciso de tempo para assimilar e construir meus pensamentos.

Também, não desejo reproduzir notícias de jornais só para dizer que sou informado. Tenho ambição de ser um indivíduo que nunca será manipulado por pessoas que dominam o discurso e a oratória.

Não terei vergonha de dizer que estou por fora do assunto, pois é mais autêntico falar isso do que ser papagaio.

Nunca se sintam constrangidos de se calarem. Pensar antes de falar é uma virtude, mesmo que hoje em dia muitos pensam ao contrário.

Curioso que anos atrás, vários jovens e idealistas morreram nos anos de chumbo para que a agente pudesse manifestar nossas ideias. Porém, tudo na vida tem um reverso. Agora, precisamos filtrar o que é bom no turbilhão de informações, que ocupam desnecessariamente nossa cabeça.