domingo, 25 de janeiro de 2015

O Atentado(2012)



Depois de assistir ao filme, fiquei pensativo como a luta entre os palestinos e os israelenses é complicado. Porque quando um ataca o outro produz um a onda gigante de destruição cíclica e eterna.

Lembrei-me que vi um filme sobre este tema: Violação de domicílio, que narra a história de um casal, o qual entra em conflito sobre o futuro de sua família. A esposa quer se mudar, enquanto o marido defende a permanência. Em meio a discussões, o local é invadido por soldados israelenses e a família é mantida como refém na própria casa.  

Em O Atentado conta a vida de Amin Jaafari, de origem palestiniana e que trabalha como cirurgião num hospital de Tel Aviv, Israel. Aparentemente sua vida é tranquila e bem sucedida tanto na profissão como no amor. Depois de receber um prêmio de medicina, Amin vê seu castelo de areia desmoronar, quando descobre que sua mulher morreu ao detonar uma bomba em um restaurante que matou várias crianças.

Sua vida desmorona (no início das investigações, ele foi preso como suspeito e liberado em seguida) e ele percebe que não tem um lugar no mundo, pois está dividido entre a Palestina e Israel e os dois lados desconfiam dele. Os palestinos o encaram como “vendido” e os judeus, um possível traidor.  

Além deste conflito, Amin sofre pela morte de sua esposa. Ele a amava e ela o amava também. Questionava o porquê de ela ter feito isto. Será que ela foi manipulada? Deseja respostas e viaja a sua terra natal.

Ao chegar lá, percebe que será difícil encontrar respostas e, ao longo de sua busca, percebemos que o que leva muitos palestinos a se explodirem em territórios de Israel, origina-se de conflitos muito antigos entre os dois povos. Os terroristas são considerados mártires e verdadeiros heróis para muitos palestinos. Há várias fotos da mulher dele por todo lugar.

Amin se transforma em um apátrida, tanto os israelenses como os palestinos o veem com desconfiança e não tem mais como ser refugiar nos braços de sua amada.   

Enfim, o filme não deixou meus pensamentos e até sonhei com ele.
***
Acho interessante colocar aqui o significado de mártir para se entender um pouco o que se passa na cabeça destes terroristas. Não estou defendendo, mas quero  entender.