quinta-feira, 1 de janeiro de 2015

2015

Imagem encontrado no google


Ano novo, receberei você de braços abertos, mas, não o idealizarei. Terá acertos e erros como a mim. Sorriremos, choraremos, brigaremos e ficaremos bem um com o outro. Irei nascer contigo e morrerei junto com você no primeiro dia do ano seguinte, é o ciclo da vida. Vivi muitos inícios e fins e a cada ano guardarei na minha memória, apesar de que 2014 foi dolorido, porém, não terei magoas, pois não existe ano ideal. Caro 2015, venha do seu jeito! Aprenderemos um com o outro, meu inimigo-amigo-querido. Digo assim porque a gente vai brigar e fazer as pazes várias vezes.

***
Acho que me plagiei, mas não posso me "autoprocessar".