sexta-feira, 2 de janeiro de 2015

Catfish

 
Imagem encontrada no google


É o filme que originou a série da MTV. No documentário, tudo se inicia quando Nev,  um fotógrafo profissional na época que o filme foi feito, recebe a pintura de uma de suas fotos. Ele vivia com seu irmão, Ariel, em New York, e teve algumas de suas fotos publicadas. Foi assim que Abby Pierce, uma menina prodígio de 8 anos, teve acesso ao seu trabalho. E foi assim que ele e Abby se transformaram em amigos no facebook, e todo o resto começou, levando o fotógrafo a se relacionar virtualmente com os “parentes” da menina e até “intimamente” com sua irmã mais velha, mesmo que nunca a viu ao vivo e a cores. Porém,  ao decorrer  do documentário a verdade vem à tona. 

O documentário está no youtube e meu objetivo não é fazer a resenha dele. Quero comentar sobre o título e a história que o originou. A explicação é o seguinte: Ao transportarem bacalhau do Alasca para China, perceberam que os peixes desta espécie ficavam sem gosto e a carne mole. Então, alguém teve a ideia de coloca-los junto com os bagres(Catfish) e observaram que os bacalhaus ficaram mais vivos e ágeis.

Logo, Catfish são pessoas que fazem a gente ficar mais alerta e esperta. Adorei isso, ao invés da gente se vitimizar, temos que agradecer os bagres(Catfish) por nos tornar mais sagazes. Tirar proveito de nosso erros e fraquezas nos torna mais fortes. Inclusive, mais cuidados, pois, vivemos em um mudo que a segurança da informação está cada vez mais problemática. Tiramos fotos, espalhamos nas redes sociais e nem temos o controle disto. Será que alguém está manipulando ou usando nossas fotos por aí? Dá até medo de pensar. Mas,  o jeito é ficar  precavido e astuto.