terça-feira, 19 de julho de 2011

SOU COLECIONADOR DE ERROS



Mas, sigo em frente sem vergonha e corro atrás para melhorar, mesmo que às vezes tenho vontade de desistir.

Quero ser escritor! Continuarei minha travessia. Leio textos que publico nos meus blogs e encontro as “cagadinhas” que fiz pelo caminho. Reescrevo e publico novamente. Não quero só fama, descobri isso há anos. Escrever me acalma e me salva de mim mesmo.
Não sou grandioso, por isso quero transformar minha imperfeição em genialidade, encontrar meu lugar num mundo.

Tem dias, que não me aguento. Distrações que fazem os outros me questionar como profissional. Tenho vontade de sumir. Porém, não o farei. Quero enfrentar a todos e a mim. É duro admitir que, em muitas ocasiões, sou meu pior inimigo.

Pensando bem, possuir defeitos é inerente ao ser humano. Seria muito chato se não existisse problemas, o mundo ficaria tedioso. Quem faz a diferença não é um super-herói poderoso, mas as pessoas comuns que possuem sonhos e objetivos.


Sou Eduardo Oliveira Freire, colecionador de erros com muito orgulho!