sábado, 19 de outubro de 2013

PARA ONDE VAMOS?



“No ... somos obcecados pelo sucesso e o nosso sucesso é a sua aprovação. Compartilhe conosco deste sonho. Trabalhe com garra, e, no final do ano, estaremos juntos, com certeza, comemorando.”

Não sou especialista em Educação, mas sempre acreditei que a verdadeira educação consiste na formação de cidadãos que possuem opiniões próprias e que se baseiam na ética. Então, ao ler esta propaganda desse colégio, fiquei receoso.

Vemos tanta intolerância, arrogância, prepotência e violência no mundo e se pergunta por quê? Desde cedo, transforma-se crianças e jovens em números, que servem para o prestígio de Instituições de ensino. Será que a maior das vitórias é passar em concurso prestigioso? A vida tão mais do que isso.

Acho tão bonito quando vejo um jovem independente que apesar das dificuldades faz o que deseja. Batalhador que não se esmorece e nem se rendendo aos “caminhos fáceis” que o status quo diz que é o certo, escolhendo uma profissão menos renumerada e vive bem, apesar das dificuldades.

Agora a questão do marketing, não vende só produtos e sim um estilo de vida. Há um filme que mostra muito bem isso: Amor por Contrato.  Os Jones são uma família “ perfeita”.  O marido, esposa e filhos são modelos perfeitos para a sociedade rica americana. Sempre com objetos eletrônicos de última geração e roupas que ainda não foram lançadas ainda nas lojas chiques. A situação provoca a inveja dos vizinhos. Entretanto, não são uma família de verdade e sem funcionários de uma empresa, que formam uma “inovadora” estratégia de marketing, que insere falsas famílias para vender os produtos com mais sucesso.

Como no marketing  “No ... somos obcecados pelo sucesso e o nosso sucesso é a sua aprovação...”. Não se vende exclusivamente os serviços do Colégio, mas o modo de viver consumista e capitalista que não presa outras formas de ver o mundo. Reduz tudo a vitória de passar num concurso concorrido.

Enfim, não estou aqui para dizer que minhas ideias são corretas. Estou aberto a outros comentários e críticas. É que ao ler o marketing da escola, fiquei com medo pelas gerações futuras.  Pois, uma sociedade que não valoriza a ética e os sentimentos verdadeiros torna-se gélida.
***