sábado, 21 de setembro de 2013

SER OU NÃO SER SIMPÁTICO?




É uma questão muito complexa para mim. Por um lado, todos nós temos o direito de se relacionar com quem quiser, mas por outro não dá só para se envolver com quem a gente gosta.

Ao longo da vida encontramos convenções sociais, que mesmo chatas, são importantes para o convívio em sociedade. O ser humano vive em grupo e o alicerce está nas alianças, que cada grupo faz para manter a ordem e a paz.

Portanto, mesmo que não seja seu amigo, trate-o bem para construir um bom ambiente. Trocar gentilezas não é falsidade e sim fundamental à civilidade.

Agora, ser gentil não significa ser falso. Todos nós encontraremos pessoas que a gente amará e outras, não. Não tem como amar todo mundo. Entretanto, para uma boa convivência, ser simpático é fundamental.

Do contrário, viveremos sempre no caos. Veja o que acontece no trânsito.  Uma violência absurda que mata várias pessoas a cada ano.