segunda-feira, 19 de outubro de 2015

Sempre encontra uma brechinha


Guernica - pintura de Pablo Picasso



“Que há de mais absurdo que o progresso, já que o homem, como está provado pelos fatos de todos os dias, é sempre igual e semelhante ao homem, isto é, sempre em estado selvagem.” Charles Baudelaire


Em relação ao aniversário do supermercado Guanabara e as cenas impressionantes das pessoas se digladiando para pegarem os produtos na promoção... Não acredito que as causas foram somente coisa de gente muito pobre, por causa da crise e pela má educação. 

Na verdade, nosso lado animalesco sempre dá um jeito de escapar da jaula da racionalidade. Não adianta, ele sempre encontra uma brechinha. Se observarmos a História e os noticiários a irracionalidade constantemente aparece, mostrando que não somos tão civilizados como imaginamos ser. A vida é absurda e, muitas vezes, usar a razão não dá conta de compreendê-la.

Através das redes sociais, vi muita gente debochando das pessoas eufóricas no Guanabara, entretanto, fiquei com medo. Sou humano como eles e posso tomar a mesma atitude.

***