segunda-feira, 12 de outubro de 2015

PENSAMENTOS SOLTOS

Hoje é o Dia das Crianças, então, fiz uma pesquisa básica sobre a origem deste " dia especial. No primeiro momento, foi criado pela ONU com o intuito de reafirmar os direitos humanos das crianças. Ao longo da História, elas eram consideradas pequenos adultos e conceito de preservar a infância surgiu na modernidade. Antigamente, a criança não tinha desejo próprio e ficava subjugado pelos adultos. Mas, atualmente, ainda existem muitos abusos contra as crianças no mundo todo e que se precisa combater. Por isso, que o Dias das Criança não é só uma data para dar presentes para os pequenos e sim refletir sobre como se deve protegê-los dos flagelos da humanidade.
***
Assisti a reportagem do Fantástico sobre a faxineira que quase foi processada e quase demitida por justa causa porque comeu um bombom no escritório de um delegado. Achei a notícia kafkiana. Tudo bem que ela errou de comer o bombom, mesmo que seja unzinho de muitos de uma caixa, mas, não era para tanto. Ela não cometeu um crime terrível por causa disso. Pois é, essa história de " bandido bom é bandido morto" é só para o pobre mesmo... Status: Aterrorizado
***
Estava vendo na Internet o pessoal detonar uma menina que canta funk e diz que faz "falsete" muito bem. Achei tudo isso tão cruel, inclusive, o próprio pai expor a filha deste jeito. É ele que filma a garota de apenas oito anos. Sei lá, uma coisa é um adulto que escolhe este caminho da fama pela fama e com o princípio " Falem mal, mas falem de mim". O adulto(teoricamente) tem mecanismos de defesa, diferente da criança que se joga sem proteção, confiando que tem talento. Pois, seus pais sempre dizem que ele ou ela são os mais belos e especiais do mundo. Conclusão, a menina é usada tanto pelo pai como pelas pessoas que a zoam. Como o mundo é podre, muitas vezes...